Saude

Por que a cerveja é uma esperança na luta contra o câncer?

Craft beer single blog post
20 de julho de 2021

Pode ser sua preferência beber uma taça de vinho tinto no final de um dia difícil, mas talvez seja melhor beber uma cerveja!


por: Skum Beer
foto crédito: https://unsplash.com

Desde a década de 1990, o interesse nas atividades de promoção da saúde dos constituintes derivados do lúpulo, incluindo prenil flavonóides e ácidos amargos do lúpulo, aumentou constantemente, e investigações científicas foram iniciadas em todo o mundo.

Investigações in vitro por pesquisadores do Centro Alemão de Pesquisa do Câncer em Heidelberg, identificaram o xanthohumol como um agente quimiopreventivo do câncer de amplo espectro que atua por múltiplos mecanismos relevantes para a prevenção da carcinogênese na fase de iniciação, promoção e progressão.

Encontrada no lúpulo, esta substância bloquearia a ação excessiva da testosterona e do estrogênio. Também foi verificado que o xantohumol em concentrações nanomolares evitou lesões pré-neoplásicas induzidas por carcinógenos em cultura de órgãos da glândula mamária de camundongo (MMOC), fornecendo uma primeira indicação direta para seu potencial quimiopreventivo.

“A pesquisa ainda está no início, mas em ensaios esperamos demonstrar que o xanthohumol previne ativamente o desenvolvimento do câncer de próstata”, disse Clarissa Gerhauser, do centro de Heidelberg. Se for bem-sucedido, o xanthohumol pode um dia ser desenvolvido como uma droga de combate ao câncer.

Então, quais cervejas provavelmente são mais ricas em xanthohumol ?

O lúpulo dá à cerveja seu sabor amargo, então os tradicionais IPAs, APAs, Bitters e outras lupulosas conterão muito mais desta substância do que as light, pilsens ou lagers.

As cervejas com maior índice de lúpulo, como as Indian Pale ales (IPA), foram produzidas pela primeira vez por volta de 1800 em em Greenwich, sudeste de Londres. Na épocas, essas cervejas eram feitas com altos níveis de lúpulo para atuar como um conservante natural para exportação.

Normalmente uma cerveja com mais lúpulo contém cerca de três a quatro vezes mais do que uma light lager ou pilsen típica.

Agora, a pesquisa não explica o que faremos com o álcool, uma vez que bebendo mais cerveja lupulosa também estaremos ingerindo, na maioria das vezes, mais álcool!

Portanto, por via das dúvias, peça já sua Skum IPA e viva o lúpulo!

Deixe um

Comentário

Seu e-mail não será publicado.

     
 
Como nos achar

Rua Dr. Satilas no Amaral Camargo, 906 / 04

[email protected]

(41) 98823-8898 / 3049-1229